52º Concerto Anual de Gala – Um toque de CLASSE – 9 e 10 de novembro de 2019

Cenário do Concerto
Trompetista Thyago Souza
Cantores e instrumentistas
Contraltos
Sopranos
Violinista Jennypher Lucas, Pianista Wagner Schulz e Violoncelista Carina Magna
Percussionista Miro Ramos

Quantos toques de classe foram presenciados nessas duas noites, foi um verdadeiro banho de classe, um verdadeiro show de cenário, vozes, instrumentos e do público que respondeu à altura com seus aplausos e vibrações. Foi um espetáculo digno de um Coral de 52 anos!

E outro dia fiquei pensando…..porque nosso maestro faz e acontece nos nossos Concertos e a gente não questiona? Não questionamos se vai ser bonito, se vamos ter dinheiro suficiente pra custear, se o público e nós vamos gostar, se daremos conta de fazer o que ele imagina….porque não nos perguntamos nada disso? Porque ele conquistou a nossa confiança. Porque sem talvez nem nos darmos conta, nós demos a ele, carta branca. Nós temos total confiança de que ele vai fazer bem feito e de que será bom. Não precisamos saber em detalhes como será e o que tudo terá, porque confiamos! Sabemos que não vai nos expor ao ridículo. Tanto é que ele chega e diz: isso vai ser assim e isso assado! E sempre tem ainda alguma surpresinha!  Podemos até não gostar num primeiro momento, mas depois vemos que é bom e bonito desta forma. Isso, porque ele faz tudo com responsabilidade, determinação e faz o que é bom pra todos! E de que adiantaria talento e idéias se não tivesse liberdade de colocar em prática? Porque isso aqui é a grande paixão da vida dele e nossa? Porque ele tem a liberdade de criar, e colocar em prática o que imagina, com o aval de todos esses louquinhos aqui, que embarcam nas idéias do louco! E se ele não faz mais, é porque os recursos financeiros não permitem e não porque não tem idéias ou nós cantores, não damos conta. “Vocês eu levo para onde eu quiser”, não é isso Padre Lu? rsrs.

Eu já falei isso ano passado, mas vou repetir: o que mais me encanta nos nossos Concertos é a forma como cada naipe e cada músico é valorizado. Tem músicas em que a percussão dá show, outras o piano, depois trompete, violino, violoncelo. Tem música para valorizar cada um. Da mesma forma os naipes. Tem música em que sobressai sopranos, outras baixos, tenores e contraltos. E tem Música para valorizar somente as vozes. Todos são igualmente valorizados, todos aparecem e todos tem o mesmo grau de importância! Todos juntos e cada um na sua, desempenhando o seu papel, garantindo sua parte para que todos brilhem! Isso é muito legal, Padre. Cada um de nós é parte disso, é importante e juntos com nosso maestro, matamos a pau!

Em nome do Paulo VI quero agradecer aos patrocinadores do Concerto que mais uma vez garantiram a realização do melhor espetáculo anual de Teófilo Otoni, ao público que nos prestigiou, a todas as pessoas que trabalharam na montagem do Concerto, às pessoas que trabalharam durante os dois dias de espetáculo, ao apoio de sempre da Lucinha e Kadim na portaria. Esse ano ainda tivemos a ajuda do Antônio e da Silvane. É muito bom podermos contar com vocês!   Jane, nem tenho palavras para dizer o quanto é maravilhoso te termos sempre ao nosso lado, em todas as horas, em especial nos Concertos de Gala, aos Pés da Cruz e Cantata de Natal, com tudo que envolve essas apresentações.  Juntamente com o Padre, tu fazes tudo acontecer. Gratidão aos músicos maravilhosos que embalaram nossas vozes, e parabéns à Carina e Jennypher pela estréia no Concerto. Vocês se saíram muito bem e saibam que se não fossem boas, não estariam aqui porque o Paulo VI só contrata músicos bons. Agradeço de coração, a todos colegas que se empenharam em fazer sua parte, parabéns também aos estreantes Wily e De Angelis e ao reestreante Jonnathan, que tiveram um desafio muito maior esse ano por ser tudo novo para eles. Nosso agradecimento à cozinheira Gláucia e sua ajudante Guilhermina e à garçonete Paixão que hoje estão aqui preparando e servindo nosso jantar, e somos muito, mas muito gratos mesmo, pelo apoio de nossas famílias e amigos, dos quais no privamos muitas vezes do convívio para ir aos ensaios ou mesmo ensaiar em casa. Sem o apoio e compreensão deles, não estaríamos hoje aqui.

E para encerrar, convido a todos para fazermos uma oração:

“Querido Deus, nós te agradecemos por nos proporcionar tamanha alegria com o sucesso de mais um Concerto, por termos todos, os nossos esforços compensados, por ter Empresas que acreditam no nosso trabalho e investem para que ele continue, pelo público que ao adquirir um ingresso, sabe que valerá a pena, pela determinação, dedicação e criatividade do nosso maestro Padre Lu que deixa a nós e público sempre numa gostosa expectativa do que vem pela frente, por todos que trabalharam na realização do Concerto, seja antes ou depois dele acontecer e te agradecemos muito pelo dom da música: seja voz, instrumento ou regência. Que possamos conservar nossos dons e sermos sempre gratos a Ti e a todos que tornaram possível a realização do 520  Concerto Anual de Gala! Amém!

Andrea C. Hasenack – Presidente

Comentários